segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Anjos & Demónios

Não fui ver este filme ao cinema, nem tão pouco criei grandes expectativas à volta do mesmo, talvez por ter ficado desiludido com o seu antecessor "O Código Da Vinci". Li ambos os livros antes de ver os filmes, o que deve ter contribuído para a decepção de "O Código Da Vinci". Talvez porque ao ler o livro vamos criando na nossa imaginação as personagens e imaginando os cenários conforme os conhecimentos adquiridos. Depois, vamos ver o filme e não tem nada a ver. Mas agora que tive oportunidade de visualizar o "Anjos & Demónios", confesso que fiquei bastante surpreendido com a qualidade do filme. Não é com certeza um grande filme mas é um bom filme. Vale pelos excelentes cenários que, apesar de alguns serem réplicas, uma vez que o Vaticano proibiu as filmagens em locais como a Capela Sistina, por exemplo, deixam uma ideia da potencial beleza e riqueza da cidade do Vaticano. Gostei também da forma como foi abordado o assunto da rivalidade entre a Igreja e a irmandade dos Iluminatti. A história do filme também está bem dirigida e decorre de forma clara e objectiva, e para quem não leu o livro irá ficar surpreendido com o final.
Quanto ao actor principal, Tom Hanks, não é nem de longe um dos meus actores preferidos, mas serve para o papel desempenhado, apesar de achar que lhe falta qualquer coisa, mais energia, talvez. De uma forma geral, este filme merece ser visto.

3 comentários:

Mifá disse...

Eu pelo contrário, li o livro porque toda a gente MESMO TODA A GENTE o leu e eu sentia-me uma pária sem saber do que se falava e achei o livro uma americanisse: ou seja sem uma pesquisa de factos decente e um total desconhecimento tanto da história como da geografia europeia (Marsella onde o silas foi preso e Andorra onde o Silas foi encarcerado em imaginárias masmorras, pois Andorra nem prisão tem - tem acordos com Espanha e França para que lhes cuidem dos criminosos que cumprem penas - ficam em Países diferentes, só para dar um exemplo).
E o filme, por estar tão triste por ter dado tão mau uso ao meu dinheiro quando comprei o livro, até nem foi assim tão grande desilusão!

silvestre disse...

Está muito bem filmado. Mas achei um bocado «poucochinho» no que concerne o resto.

C.Cruz disse...

Mifá:
Eu gostei de ler ambos os livros, mas prefiro de longe o Anjos e Demónios ao Código Da Vinci.
Quando falas em desconhecimento por parte do autor, não deixas de ter razão, mas também não nos podemos esquecer que se trata de um romance e não de um livro não-ficção.

Silvestre:
Tal como referi, não é um filme espectacular, mas é um bom filme dentro do género.